O grande apelo dos RPG está na sua jogabilidade, na sua forma como a entrega ao jogador para lhe dar uma enorme variedade de maneiras de ultrapassar um obstáculo. Felizmente, a Atlus aplicou o seu excelente pedigree em Etrian Odyssey 2 Untold: The Fafnir Knight. E desde que ligam a consola para começar a explorar os primeiros pisos das dungeons, serão constantemente levados a afinar o motor de mecânicas e sistemas para moldar o jogo numa aventura agradável.

Etrian odyssey 2 untold

Começando pelo que interessa, Etrian Odyssey 2 Untold: The Fafnir Knight é um RPG na primeira pessoa, ou melhor um first person dungeon crawler, como Shin Megami Tensei - clássico incontestável da Atlus. E algo que já está imprimido no seu ADN, que torna a aventura mais empolgante colocando o sentido de orientação do jogador à prova, é a capacidade de se poder desenhar o mapa dos vários andares das masmorras que visitam. Não só instiga à curiosidade do jogador, como o ajudará na sua exploração quando fará novas visitas ao local.

Os mapas de cada zona não são um mero passeio no parque. A cada número aleatório de passos, assinalado como cores de um semáforo, irão cruzar-se com inimigos que vos vão barrar o caminho - e inicia-se um combate por turnos como manda a tradição. Vão descobrir atalhos, tesouros, lugares para a extração de minérios e diversos materiais, assim como desbloquear eventos únicos - como a de um ouriço que está constantemente a meter-se em sarilhos.

Mas a precaução que vos será exigida, será por causa dos inimigos chamados de F.O.E. - acrónimo para Field On Enemy. Estes são os únicos inimigos que poderão ver no mapa, pois este tipo muito particular de oponente pode ser considerado como um boss em formato reduzido. Se os viram pela primeira vez, então evitem-nos a todo o custo. Este processo é praticamente um quebra-cabeças por si só. Como ultrapassar um inimigo consoante o movimento que apresenta, é revigorante na atividade que é descobrir este mapa.

Etrian odyssey 2 untold

Passando ao combate, Etrian Odyssey 2 Untold está muito bem estruturado com diversas mecânicas para serem experimentadas e aplicadas em situações mais urgentes, ou para se precaverem do perigo que se avizinha. Esta obra permite também explorar vários estilos de combate, podem arrogar o título de Protector para terem um membro que se encarrega de proteger os elementos da vossa party; assumir uma personagem como Survivalist para adotar com mestria a arte de disparar flechas e provocar danos devastadores à trincheira traseira dos vossos inimigos; ou sejam um War Magus para terem o clássico papel de healer da party, podem reavivar, curar ou desferir ataques que causam a redução ou eliminação temporária das várias capacidades dos adversários. Porém, não ficarão limitados apenas a estas classes.

De forma a aumentar consideravelmente a sua longevidade, terão acesso a muitas mais classes e habilidades. As novas classes poderão ser acedidas no Explorers Guild, onde para mudar o tipo de estilo de luta a praticar terão que vos ser cortados cinco níveis da personagem em questão com novas habilidades e Skill Points a serem redistribuídos na árvore de habilidades. É também na Explorers Guild que poderão reorganizar os Skill Points que deram ao vosso membro da equipa para obter ou fortalecer determinadas capacidades passivas ou conhecimentos de combate.

Etrian odyssey 2 untold

Isto só incentiva à repetição da campanha. Uma grande parte dos jogadores nem tem muita paciência para recomeçar um jogo, para ver tudo o que tem para oferecer a cem porcento, por isso existem as Grimoire Stones. Estas pedras podem ser criadas durante os combates conforme um medidor de probabilidade de vocês as poderem criar. Com estas pedras poderão dar ao vosso cavaleiro Fafnir a capacidade de restabelecer saúde aos seus aliados, mesmo que este não tenha a capacidade de aprender esta técnica por si próprio. Ainda melhor, podem criar habilidades dos vossos companheiros de armas, contudo é a criar técnicas dos monstros com os quais se cruzam é que torna isto interessante. Não falta muito por onde explorar.

Todavia, se pensavam que a afinação desta aventura RPG ficava por aqui, enganam-se. Há uma enorme reciclagem de todos os itens e espólios de guerra que coletam, o denominado loot. A loja do vilarejo onde se passa este dungeon crawler aceita tudo o que vocês têm para vender. Vendam-lhe novos itens e em troca novos equipamentos ficarão disponíveis para comprar, ajudam-se mutuamente. Mas o que realmente vos dá uma vantagem direta é a gestão do vosso restaurante.

Etrian odyssey 2 untold

Aí poderão pedir ao chefe para confecionar diversas refeições com os itens e os monstros que eliminaram, que vos vão aconchegar agora ao estômago. Cada um dos pratos tem um atributo específico para a vossa jornada, por exemplo o Hi Lagaar Coffee dá-vos a possibilidade de recuperar saúde à medida que caminham, o Citron Owl Bowl oferece-vos uma resistência elevada ao veneno, enquanto que o Forest Deer Sukiyaki permite-vos serem os primeiros a atacar na abertura de um combate.

Mais tarde, será esse mesmo restaurante que incluirá um jogo para sujeitarem a localidade que vos acolheu a uma sucessão gradual de transformações para depois atrair novos habitantes e, consequentemente, poderem criar publicidade para venderem os vossos produtos. Enfim, são pequenas adições que tornam Etrian Odyssey 2 Untold mais completo, numa experiência RPG que nos impele a continuar a nossa sessão, que será apenas literalmente fechada quando os dois ecrãs da consola se encontrarem.

Etrian odyssey 2 untold

Para os parágrafos finais deixo a história, que não é certamente o prato principal do jogo. Para que esta seja esquecida ainda mais rapidamente, o arco narrativo está pejado de clichés, que nem favorece o elenco de personagens que emprega. A princesa de Caledonia, Arianna, tem de ser sujeita a um ritual milenar para impedir que um forças maléficas assombrem o reino.

Amparada pela personagem principal, vocês, e pelo seu amigo de longa data, Flavio. No entanto, são as personagens secundárias, Bertrand e Chloe, que salvam este pobre argumento. Estas têm personalidades mais imprevisíveis, logo são as que mais atenção roubam ao jogador.

Etrian odyssey 2 untold

O título da Atlus não é uma potência gráfica. Porém, não quer isto dizer que esta obra não esteja equipada com uma direção artística notável. Ao jeito de uma visual novel, os diálogos são enfatizados com desenhos de personagens estáticas, mas expressivos o suficiente para termos uma noção do seu caráter nas diversas situações em que são colocados.

A Banda Sonora complementa muito bem a aventura. Como em muitas obras que querem ter um herói que passa por diversos obstáculos até chegar ao seu destino, é pelo seu acervo musical que conseguem transmitir a emoção desta jornada que vocês assistem na primeira pessoa. Se é com peças de piano que o jogo dá ênfase a momentos mais tristes, mais difíceis de digerir, é com riffs energéticos de guitarra elétrica que a produção deste RPG quer sublinhar os seus combates por turnos. A sonoridade funciona quando a sua função lhe é pedida.

Etrian odyssey 2 untold.png

O legado de Etrian Odyssey, originado na Nintendo DS, continua a ser uma opção mais do que recomendável para jogadores que apreciem um bom combate por turnos e elementos que possibilitam abordagens divergentes que levam à vitória. A natureza do próprio jogo vai garantir uma enorme longevidade, se forem ainda obcecados por passar tudo a pente fino, seja nas demandas secundárias ou na aniquilação dos inimigos denominados de FOE, então estarão muito bem servidos.