Por vezes, mais vale fazer o que se sabe e o que se pode conforme a nossa disponibilidade, pois alargar horizontes sem a determinação necessária poderá resultar em Mario Sports Superstars. A Nintendo quis englobar cinco jogos num só, cinco desportos num único título, porém, como um todo, não resulta de tão fáceis que são os jogos - de tão ausente que está o desafio. 

Neste título há um quinteto de jogos que podemos escolher pela ordem que bem desejamos. Futebol, basebol, ténis, golfe e equitação. Todos eles têm as suas regras, mas conseguem partilhar algumas características em comum: a facilidade, a acessibilidade e a superficialidade. Todos eles necessitam sempre de uma escolha prévia do atleta, representado pelo elenco do Reino Cogumelo que tem marcado presença nos videojogos da Nintendo. 

Imagens Analise Mario Sports Superstars

Em Mario Sports Superstars, o futebol, o primeiro jogo que experimentei do lote de cinco, é um desporto apático. Um desporto coletivo jogado como o da vida real, ou seja, onze contra onze. Contudo, só três jogadores têm uma maior importância, o capitão, o assistente do capitão e o guarda-redes, os restantes oito são constituídos por um grupo de lacaios do Bowser ou comparsas de Mario e companhia. O guarda-redes será sempre Boom Boom ou Pom Pom. Já os capitães serão uma das personagens principais do Reino Cogumelo, de Mario ao seu irmão Luigi, passando pelas princesas Peach e Daisy, até aos vilões Wario e Waluigi. Essa escolha irá definir a característica destacada das capacidades do jogador. Ou seja, podem escolher um jogador mais equilibrado, outro com bastante potência no remate, ou que tenha uma corrida mais rápida. 

Seja como for, não notei uma divergência na jogabilidade notável que tivesse de dar preferência tática a uma personagem ou outra. Com uma jogabilidade claramente virada para o marcador indicar uma quantidade absurda de golos, a estratégia é nula. Corram sem dificuldade para a frente e marquem com um remate colocado ou com um chuto especial, porém nem um, nem outro garantem o golo. Se a inteligência artificial se lembrar de dar ao guardião adversário uma inspiração inabalável, então têm a sessão arruinada sem marcarem um único golo. Enfim, em Portugal o futebol é o desporto rei, neste título é um desporto ao qual não queremos voltar. 

Imagens Analise Mario Sports Superstars

A seguir joguei ténis, o desporto favorito de um dos nossos redatores do VideoGamer Portugal. E relativamente ao futebol é uma experiência bem mais agradável, mas que dada a sua extrema facilidade não vai demorar muito a ficarem fartos deste desporto individual. Tal como no desporto abordado anteriormente, a selecção de personagens vai, supostamente, determinar a estratégia a adoptar. E como se verificou nas minhas sessões, esta acabou por ser apenas uma suposição. 

O torneio de ténis é demasiado fácil. Tem diferentes botões, assim como combinações de vários, para várias batidas com a vossa raquete. Mas estes são elevados de tal forma ao exagero que nem o Nadal conseguiria desenhar curvas tão acentuadas na bola. Para facilitar-vos ainda mais a vida, o jogo indica onde a bola vai cair e qual o botão a carregar para a probabilidade do adversário responder com eficácia ser muito reduzida. Mais fácil só se o jogo tomasse conta dos controlos e jogasse por nós. 

Imagens Analise Mario Sports Superstars

O basebol também é um dos minjogos que não estimula um mínimo de interesse pelo jogador. A vossa única função resume-se a bater e lançar a bola por turnos. O golfe é igualmente similar em termos apelativos, com quatro mapas com nove buracos, com uma aparência muito similar a Mario Golf: World Tour. E se gostavam desse título, em Mario Sports Superstars não haverá a mesma atração para melhorar as nossas capacidades nos diferentes desafios.

A equitação é o melhor desporto do lote. O cavalgar pela pista até cortar a meta, depois de completadas três voltas, é desafiante e pede-nos um mínimo de estratégia para chegar à vitória. Há obstáculos pela pista para serem evitados, cenouras para manter a resistência do animal e estrelas para serem recolhidas para acionar uma aceleração repentina. A totalidade da corrida é bastante competitiva com os jogadores controlados pela inteligência artificial sempre a dar-nos que fazer para encontrar formas de nos mantermos no primeiro lugar. 

De uma forma geral, este título desenvolvido em colaboração com a Bandai Namco é mais apreciado se jogado em multijogador, apesar da deficiência de modos de jogo nessa opção. Juntamente com amigos dá sempre para rir de situações caricatas proporcionadas pelo jogo, explorar os limites do jogo assim como as suas particularidades. Esta opção com mais de um jogador suporta uma ligação local entre diferentes consolas, exigindo uma cópia por sistema, pois não há Download Play. Ou caso prefiram continuar a jogar isolados dos adversários, joguem online para um maior desafio. 

Imagens Analise Mario Sports Superstars

Se quiserem jogar bons jogos de desporto dentro do Reino Cogumelo, tentem adquirir Mario Strikers Charged Football, Mario Golf: World Tour ou até Mario Tennis: Ultra Smash. O que Mario Sports Superstars se propõe a fazer, diversão com um quinteto de desportos, não funciona dada a carência de mecanismos mais profundos e de mais desafio.