Melhores Jogos de Action de 2018 na PC

Bem-vindo ao top de jogos de Action de 2018, uma lista dos melhores videojogos gerada pelas análises editoriais e popularidade no site. Aqui estão os nossos favoritos...
  • 20.

    Shaq Fu: A Legend Reborn (Switch) - Análise

    Shaq Fu: A Legend Reborn

    Em 1994, Shaq Fu pode ter feito furor junto dos jogadores, mas A Legend Reborn não fascina minimamente. O resultado final é uma obra que fica muito aquém do prometido, com uma jogabilidade que aborrece em vez de divertir. A produtora desta obra quis fazer “o que o jogo original devia ter... mais

    Analisado em:   Platforms: PC

  • 19.

    The Quiet Man - Análise

    The Quiet Man

    The Quiet Man tenta inovar e oferecer algo único. Pode funcionar na teoria, mas na prática é uma proposta que falha praticamente em todos os departamentos que fazem um bom videojogo. The Quiet Man é um jogo fascinante, tal como é escrever sobre... mais

    Analisado em:   Platforms: PC

  • 18.

    ARK: Survival Evolved (Switch) - Análise

    ARK: Survival Evolved

    O jogo da Studio Wildcard é bom no papel, mas o produto final é uma desilusão. Além dos sérios problemas técnicos que apresenta, a aventura em si é demasiado frustrante. Este título da Studio Wildcard esteve a ser preparado durante dois... mais

    Analisado em:   Platforms: PC

  • 17.

    Past Cure - Análise

    Past Cure

    Past Cure é uma obra que claramente tinha ambição, mas que fica a desejar na forma como a executa. A jogabilidade, a narrativa, a vocalização e o grafismo são pontos demasiado rombos para uma recomendação. Past Cure é um daqueles jogos que na teoria é interessante, mas que quando... mais

    Analisado em:   Platforms: PC

  • AD #1
  • 16.

    Extinction - Análise

    Extinction

    Extinction tem um conceito interessante, mas a sua execução deixa a desejar em vários capítulos. Com um design repetitivo e uma história descartável, a obra da Iron Galaxy faz pouco para manter o jogador motivado. Extinction, a mais recente obra da Iron Galaxy, estúdio que assumiu... mais

    Analisado em:   Platforms: PC

  • 15.

    Legend of Kay Anniversary (Switch) - Análise

    Legend of Kay

    Um jogo de plataformas com uma fórmula clássica, que desilude graças a um câmara descontrolada. Esta edição marca um aniversário, sem adaptá-lo ao público que agora a encontra. Por muito que um determinado género passe de moda, haverá... mais

    Analisado em:   Platforms: PC

  • 14.

    Morphies Law (Switch) - Análise

    Morphies Law

    Um atirador multijogador com um conceito inovador. Infelizmente, falha em concretizar o que propõe entregar. Morphies Law apresenta um conceito interessante, bastante curioso, mas que... mais

    Analisado em:   Platforms: PC

  • 13.

    Dynasty Warriors 9 - Análise

    Dynasty Warriors 9

    A Omega Force tentou revitalizar a série dando um palco muito maior às personagens. Infelizmente, é um palco onde a vontade de chegar ao encore é bastante pouca. Sem querer, a Omega Force colocou Dynasty Warriors 9 numa posição ingrata.... mais

    Analisado em:   Platforms: PC

  • 12.

    Darksiders III - Análise

    Darksiders 3

    Mesmo com alguns momentos inspirados, o jogo da Gunfire Games apresenta algumas inconsistências na jogabilidade e um departamento técnico que podia ser menos rombo. Não é mau do início ao fim, mas não é uma aventura com uma progressão que se faça com confiança. Tinha alguma esperança e bastante expectativa para começar a... mais

    Analisado em:   Platforms: PC

  • AD #2
  • 11.

    Steel Rats - Análise

    Steel Rats

    Bom ambiente e alguns momentos inspirados entram em confronto direto quando a equipa complica em demasia o design dos níveis até que a jogabilidade sofra com isso e colapse temporariamente. Poucos minutos depois de começar a jogar Steel Rats é... mais

    Analisado em:   Platforms: PC

  • 10.

    Metal Gear Survive - Análise

    Metal Gear Survive

    Não, Metal Gear Survive não vai ficar na história como um dos melhores títulos da série. Sem Kojima, a Konami ficou com um jogo que oferece alguns momentos interessantes, mas que demora demasiado tempo a arrancar. Julgo não ser nenhuma hipérbole considerar que os nomes Metal Gear e Hideo... mais

    Analisado em:   Platforms: PC

  • 9.

    Conan Exiles - Análise

    Conan Exiles

    Desafiante, Conan Exiles deixa o jogador fazer as descobertas e embarcar numa aventura de superação. Infelizmente, há incontáveis problemas técnicos e uma curva de aprendizagem que pode afastar alguns fãs. Inserindo-se no género de jogos de sobrevivência, Conan Exiles... mais

    Analisado em:   Platforms: PC

  • 8.

    The Sexy Brutale - Análise

    The Sexy Brutale

    Este título propõe que sejamos capazes de resolver crimes e, ao mesmo tempo, evitar que ocorram no futuro. Uma boa proposta para quem gosta de vestir a pele de detetive.  O dia tem vinte e quatro horas. No jogo da inglesa Cavalier Game Studios e... mais

    Analisado em:   Platforms: PC

  • 7.

    Crossing Souls - Análise

    Crossing Souls

    Crossing Souls é uma obra que consegue capturar o charme e magia dos anos 80, sem nunca se tornar numa cópia do que veio antes. Os picos de dificuldade são irritantes, mas não são suficientes para mitigar tudo o que o jogo faz bem. A nostalgia vende. Não é segredo nenhum. A indústria do entretenimento... mais

    Analisado em:   Platforms: PC

  • 6.

    Shadow of the Tomb Raider - Análise

    Shadow of the Tomb Raider

    Mesmo sem novidades de relevo em relação aos antecessores, Shadow of the Tomb Raider é mais uma entrada de enorme qualidade na série de ação e aventura que tem novamente na jogabilidade o seu ponto mais forte e na narrativa o mais desapontante. Embora nunca se tenha afirmado como um colosso de vendas, a... mais

    Analisado em:   Platforms: PC

  • 5.

    Monster Hunter: World - Análise

    Monster Hunter World

    Monster Hunter: World é uma excelente aventura. Exige tempo e dedicação ao jogador, mas recompensa-o com batalhas épicas contra criaturas de design aprumado. Horas e horas e horas depois, a vontade é continuar perdido a afiar o gume da espada. Joguem Monster Hunter: World durante tempo suficiente e começam a deixar... mais

    Analisado em:   Platforms: PC

  • 4.

    Bayonetta (Switch) - Análise

    Bayonetta

    A prata da casa da Platinum Games. Bayonetta é publicado numa nova consola e afirma, novamente, a sua genialidade. A Nintendo Switch não tem propriamente um catálogo magro em títulos.... mais

    Analisado em:   Platforms: PC

  • 3.

    Crypt of the NecroDancer: Nintendo Switch Edition - Análise

    Crypt of the NecroDancer

    Com masmorras de design bastante refinado e um toque único ao género roguelike, a versão Nintendo Switch de Crypt of the NecroDancer é facilmente recomendável. Os jogos têm certos controlos para haver uma sensação de familiaridade com a... mais

    Analisado em:   Platforms: PC

  • 2.

    Moonlighter - Análise

    Moonlighter

    Ao aliar o comércio à progressão pelas suas cinco masmorras, Moonlighter transforma-se num roguelike notável que nunca faz o jogador bater contra uma parede e que consegue fazer com que o ciclo repetitivo da jogabilidade se mantenha sempre satisfatório e recompensador. A gestão do nosso inventário e o constante acumular de... mais

    Analisado em:   Platforms: PC

  • 1.

    Guacamelee! 2 (Switch) - Análise

    Guacamelee! 2

    Um mundo mexicano num jogo metroidvania surpreendente, que por vezes vos poderá entregar um excesso de mecânicas. Apesar de haver muitos e exigentes desafios, ultrapassá-los é sempre gratificante. A sequela da Drinkbox Studios, Guacamelee! 2, é um muito bom exemplo... mais

    Analisado em:   Platforms: PC