Como provavelmente tiveram oportunidade de ler, durante o PlayStation Experience na semana passada foi anunciado que MediEvil, título originalmente publicado na PlayStation, terá o mesmo tratamento dado a Crash Bandicoot N. Sane Trilogy e está a caminho da PlayStation 4.

Contudo, duas pessoas em particular foram também apanhadas de surpresa com o anúncio da Sony. Chris Sorrell, criador original de Sir Daniel Fortesque, e Jason Wilson, principal designer no MediEvil original, não sabiam que a nova versão do jogo seria anunciada.

Numa entrevista dada ao Push Square, Sorrell - que também é responsável por criar James Pond - disse que a notícia “apareceu do nada” e afirmou que “não esperava que eles fizessem isto depois de tanto tempo e certamente tenho inúmeras perguntas!”

Wilson ficou também chocado quando começou a ler as notícias no Twitter através dos fãs espanhóis de MediEvil. “No início pensei que era mais um vídeo feito pelos fãs,” comentou.

“Mas acabou por ser um anúncio 100% oficial da Sony e primeiro fiquei perplexo e depois contente com a ideia de o nosso divertido jogo ser publicado; afinal de contas foi o tempo mais feliz que passei na indústria dos videojogos e estou orgulhoso do nosso trabalho em MediEvil”.

E os dois têm esperanças elevadas para o novo remaster, com Sorrel a mencionar o recente trabalho feito em Crash Bandicoot e, mais recentemente, as imagens do remake de Shadow of the Colossus sobre o que ele espera que o remaster acabe por ser.

“Se isso acontecer então fico triste por não fazer parte daquela equipa, mas sei que ficarei entusiasmado por um dia carregar o jogo visitar novamente Gallowmere com o esplendor 4K. O facto de nesta geração a Sony ter feito um excelente trabalho de corresponder às expectativas dos fãs com os seus remasters dá-me esperança,” comentou.

Os dois estão também nervosos com a atualização, pois ambos não parecem ser grandes fãs de MediEvil Resurrection, título publicado na PSP, com Sorrell a dizer que “a equipa fez um jogo que inquestionavelmente era tecnicamente superior ao original, e fez algumas melhorias notórias nas personagens - gostei mesmo de Sir Dan. Mas… também estragaram um número de outras personagens, estragaram a história, tornaram vários níveis mais fracos, e omitiram completamente alguns dos melhores e mais importantes níveis de MediEvil. Espero que estejam pessoas envolvidas que saibam que esta não é a versão do jogo que os fãs querem”.

Wilson tem uma ideia parecida de Resurrection, afirmando que “além de alguns elementos visuais como o novo design físico do Sir Dan, não quis saber do remake da PSP - parecia cinzento e pálido em comparação com o excesso colorido e a claridade arcada do original”.

Contudo, Sorrell e Wilson mantêm algum otimismo sobre a nova versão do jogo, com Chris a dizer que “trabalhar em MediEvil foi definitivamente um tempo especial na minha carreira e uma das experiências em equipa mais desfrutáveis que tive. Se a nova equipa tiver tanta diversão como nós tivemos na altura, então talvez os meus receios não tenham motivo de existir”.

E Wilson acrescenta que “espero que a Sony e a nova equipa honre o legado de Sir Dan e que tenham tanta diversão como nós tivemos a criá-lo da primeira vez. Eu sei que há muitos fãs em todo o mundo que partilham o mesmo desejo”.

MediEvil chegará à PlayStation 4 algures em 2018.