A Guerrilla Games reconheceu os problemas com a versão PC de Horizon Zero Dawn, que levaram os jogadores a experienciarem crashes e outros soluços técnicos desde que a obra chegou ao mercado na semana passada (via VGC).

Foi confirmado pela produtora holandesa que está a “monitorizar” os relatos que estão a ser feitos pelos jogadores da versão PC. É a sua “principal prioridade” lidar com os problemas e trabalhar numa atualização, sabemos agora.

“Apreciamos todos os que dedicaram o seu tempo para relatar os seus problemas no Steam, Reddit, ou através do nosso site. Se ainda estão a encontrar crashes ou bugs, por favor continuem a usar esses espaços, ou consultem o nosso FAQ [perguntas frequentemente feitas] se estão incertos de como proceder,” é dito numa mensagem publicada na página do jogo no Steam.

Foi em março, 2020, que ficamos a saber oficialmente que o jogo, originalmente publicado na PlayStation 4 em 2017 (Análise), estava a caminho do PC. Ainda que seja tido como uma aclamada aventura em mundo aberto pela maioria dos fãs, esta decisão foi criticada por uma falange de jogadores que a encarou como uma traição da equipa.

Como resposta, Sam Sharma, ex-funcionário da Guerrilla e produtor de Horizon, disse que “fizemos um jogo, vocês gostaram dele. Agora mais pessoas podem desfrutá-lo. E de alguma forma isso subtrai à VOSSA satisfação?! Por favor sejam afáveis com vocês mesmos. A vossa satisfação do jogo não sofreu porque mais pessoas podem jogá-lo”.

Horizon Zero Dawn está publicado no PC e na PlayStation 4. A Guerrilla Games está neste momento a trabalhar em Horizon Forbidden West, a sequela da aventura de Aloy que está a caminho da PlayStation 5, consola que o deverá receber algures em 2021.

Continuem a conversa nos fóruns VideoGamer!