A Nintendo poderá distanciar-se do desenvolvimento de consolas caseiras algures no futuro, foi mencionado por Shuntaro Furukawa, presidente da empresa, numa entrevista dada à publicação Nikkei (traduzida pelo Nintendo Everything).

Furukawa comentou a importância da flexibilidade dentro da indústria dos videojogos, afirmando que a Nintendo não está “fixada nas nossas consolas”. Para já, a empresa está claramente concentrada em suportar a Switch, consola híbrida que está próxima de celebrar o seu segundo aniversário.

“Neste momento estamos a oferecer a Nintendo Switch desenvolvida de forma única e o seu software - e é nisso em que estamos a basear a forma como entregamos a ‘experiência Nintendo’. Dito isto, a tecnologia muda. Vamos continuar a pensar com flexibilidade sobre como entregamos essa experiência com o passar do tempo,” comentou.

“Passaram quase 30 anos desde que começamos a desenvolver consolas. A história da Nintendo é ainda mais antiga do que isso, e por entre todas as dificuldades que enfrentaram a única coisa em que pensaram foi o que fazer a seguir. A longo termo, talvez o nosso foco enquanto negócio possa afastar-se das consolas caseiras - a flexibilidade é tão importante quanto a ingenuidade,” é ainda acrescentado.

Além disso, Furukawa adicionou que está interessado em ver a Nintendo “aumentar” o seu desenvolvimento de videojogos para dispositivos móveis para assegurar “um contínuo fluir de receitas”.

“Não quero que os nossos criadores pensem muito em termos de “o que devo fazer se falharmos? O meu papel mais importante é fornecer um ambiente em que eles possam demonstrar as suas próprias habilidades. Não sou um programador profissional, por isso deixo o desenvolvimento para os líderes que podem dizer o que é um bom jogo e o que não é,” mencionou ainda Furukawa.

A Nintendo Switch chegou ao mercado em março, 2017, tendo vendido mais de 22 milhões de unidades globalmente até à data. Super Mario Odyssey é atualmente o jogo com melhores vendas na consola híbrida da empresa nipónica. No mês passado, foi confirmado que a Switch é a consola caseira desta geração com vendas mais rápidas nos Estados Unidos.

Via Eurogamer.net.

Continuem a conversa nos fóruns VideoGamer!