Ricardo Nogueira por - Apr 25, 2014

Porto Gaming Meetup supera expectativas

O primeiro encontro de empresas que desenvolvem jogos no Porto e Norte de Portugal aconteceu esta semana e foi um sucesso. As inscrições foram muito além das expectativas, o que levou a organização a marcar outra sessão já para junho.

Esta primeira sessão realizou-se numa sala do Pólo Tecnológico do Parque da Ciência e Tecnologia da Universidade do Porto, onde várias empresas apresentaram algum trabalho já feito e falaram sobre o que pretendiam fazer no futuro.

Algumas entidades apresentadas não foram criadas com o propósito de desenvolver videojogos, mas a paixão pelo desenvolvimento mostrou-se mais forte, e várias criaram as condições para trabalharem em projetos paralelos ao da atividade da empresa.

Nesta primeira sessão oito empresas apresentaram o seu trabalho: bInteractive, Digital Soul Games, Game Studio 78, Glazed Solutions, Moonberry Studios, Nerd Monkeys, We came from mars e Zen Code Monkeys.

Dos jogos apresentados os que se destacaram foram Aetherstone Tactics da Moonberry Studios e HUSH da Game Studio 78. Aetherstone Tactics é um jogo de estratégia por turnos situado num mundo steampunk que é controlado pelos cristais chamados aetherstones. O jogo oferece diferentes condições de vitória aos jogadores como vitória por extermínio ou vitória económica. O título inspira-se em obras como a série Fire Emblem, mas segue o seu próprio caminho, inovando por exemplo na maneira como o território afeta a visibilidade, movimento e bonús defensivos de cada unidade.

HUSH por outro lado é um jogo sobre o medo, particularmente sobre os medos que uma menina terá de superar. HUSH consiste num misto entre combate e resolução de puzzles, Ashlynn a protagonista será acompanhada por GoGo, o seu peluche. O jogo será em perspectiva isómetrica como na série Diablo. Série esta favorita de Rogério Ribeiro, líder da Game Studio 78.

O evento que tinha como objetivo promover as startups de desenvolvimento de jogos no nosso país conseguiu superar as expectativas, mostrando que a indústria dos videojogos está claramente em crescimento em Portugal, e pela adesão que este encontro gerou pode deduzir-se que continuará a crescer.

Comentários

0 Comments
Inline Feedbacks
View all comments